© 2015 by Ariane Chiebao

  • Facebook clássico

O que é doula?

A palavra Doula vem do grego e significa “mulher que serve”, sendo hoje utilizada para referir-se à mulher sem experiência técnica na área da saúde, que orienta e assiste a nova mãe no parto e nos cuidados com bebê. Seu papel é oferecer conforto, encorajamento, tranqüilidade, suporte emocional, físico e informativo durante o período de intensas transformações que está vivenciando.

  • Oferece suporte emocional através da presença contínua ao lado da parturiente, provendo encorajamento e tranqüilidade, oferecendo carinho, palavras de reafirmação e apoio. Favorece a manutenção de um ambiente tranqüilo e acolhedor, com silêncio e privacidade.

  • Oferece medidas de conforto físico através de massagens, relaxamentos, técnicas de respiração, banhos e sugestão de posições e movimentações que auxiliem o progresso do trabalho de parto e diminuição da dor e desconforto.

  • Oferece suporte informativo explicando os termos médicos e os procedimentos hospitalares. Antes do parto orienta o casal sobre o que esperar do parto e pós parto. Explica os procedimentos comuns e ajuda a mulher a se preparar física e emocionalmente para o parto, das mais variadas formas.

  • Também atua como uma ponte de comunicação entre a mulher, sua família e a equipe de atendimento, fazendo os contatos que a mulher desejar.

  • A doula se faz importante até mesmo num parto cesárea, onde continua dando apoio, conforto e ajudando a mulher a relaxar e tranqüilizar-se durante a cirurgia.

  • Pode estar presente no pós-parto, auxiliando a mãe no seu contato com o recém-nascido e com a amamentação.

O que a doula faz?

O que a doula não faz?

  • Não realiza qualquer procedimento médico ou clínico como aferir pressão, toques vaginais, monitoração de batimentos cardíacos fetais, administração de medicamentos.

  • Não é sua função discutir procedimentos com a equipe ou questionar decisões.

  • Não substitui qualquer dos profissionais tradicionalmente envolvidos na assistência ao parto.

  • Não substitui o acompanhante escolhido pela parturiente. Nesse caso a doula orienta o pai ou acompanhante a ter uma participação mais ativa no processo, sugerindo formas de prestar apoio e dar conforto à mulher.

Quais são os benefícios da doula?

  • Redução de 50% nos índices de cesária

  • Redução de 25% na duração do trabalho de parto

  • Redução de 60% nos pedidos de analgesia peridural

  • Redução de 30% no uso de analgesia peridural

  • Redução de 40% no uso de ocitocina

  • Redução de 40% no uso de fórceps

  • Aumento no sucesso da amamentação

  • Interação satisfatória entre mãe e bebê

  • Satisfação com a experiência do parto

  • Redução da incidência de depressão pós-parto

  • Diminuição nos estados de ansiedade e baixa auto-estima

Fonte: ANDO (Associação Nacional de Doulas)

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now